27 de janeiro de 2014

Arrepiada dos pés à cabeça, gritando e pulando… foi assim que recebi a notícia dos vencedores da 56º edição da maior premiação da música norte-americana, Grammy Awards! Daft Punk, a dupla de robôs mais amada do mundo, composta por Guy-Manuel de Homem-Cristo & Thomas Bangalter, levou quatro prêmios, sendo dois deles os mais importantes: o de Melhor Álbum com Random Access Memories e Melhor Gravação com Get Lucky, assim como Melhor Atuação pop, também com a música Get Lucky, e Melhor Disco de Música Eletrônica com Random Access Memories. Não sou a mais entendida do mundo da música eletrônica, mas adoro, e acredito que este foi o maior reconhecimento que o estilo já recebeu em todos os tempos! Sensacional, impossível não se emocionar. E também teve consagração ao vovô mais amado do rock, Ozzy Ousbourne, com o prêmio de Melhor Performance de Metal, com lendária banda Black Sabbath. Fofo! Emoção em dose dupla! E pra quem não assistiu ao Grammy Awards, a apresentação mais aplaudida da noite, é claro, foi a dos vencedores Daft Punk, com vocal de Pharrell Williams, que receberam a ilustre participação de ninguém mais, ninguém menos, que Stevie Wonder! Se até Yoko Ono dançou, você que está aí sentada lendo este post, com toda certeza, também vai dançar! Aperta o play e arrepia comigo! [embedplusvideo height=”356″ width=”584″ editlink=”http://bit.ly/1i4KKua” standard=”http://www.youtube.com/v/o00pgGRvXnU?fs=1″ vars=”ytid=o00pgGRvXnU&width=584&height=356&start=&stop=&rs=w&hd=0&autoplay=0&react=1&chapters=&notes=” id=”ep8422″ /]   Golden times!