18 de junho de 2014

Lembro como se fosse ontem a notícia… “Cuiabá será sede da Copa do Mundo em 2014”. A cidade entrou em festa! Parecia ser final entre Brasil e Argentina com placar de 3 x 2 nos pênaltis! Mas aí, não só aqui, mas em todo o país, vieram as notícias desagradáveis sobre desvios de verbas, protestos, obras inacabadas e todo o resto da história que nós já estamos cansados de saber.

Os anos se passaram, mais rapidamente do que imaginávamos, e o que parecia mentira, se tornou realidade. A hashtag #vaitercopa mudou-se para #vaibrasil, e a Copa do Mundo 2014 finalmente aconteceu.

Mas, nada, nada pode nos fazer sentir mais esta emoção do que realmente participar deste evento. Confesso que eu estava meio desanimada, e não tinha nem ingresso para os jogos, simplesmente não fui atrás e fiquei sem.

Até que recebi um email da Coca-Cola, me convidando para compartilhar com ela este momento histórico. De repente, o espírito da Copa começou a me contagiar… eu pulei de alegria, parecia uma criança correndo pela casa, rs. No fundo eu queria acreditar na Copa!

Bom, até que enfim, chegou o grande dia! Ontem, eu, e mais 04 bloggers, e nossos acompanhantes, fomos até a Arena Pantanal assistir ao jogo entre Russia e Coreia, no camarote da Coca-Cola, recepcionados pela querida (e animada!) anfitriã da empresa, Sheila Zanesco. Uma mulher linda, alta, cabelos curtinhos, sotaque de paulista com charme carioca, de tênis e camiseta, pronta pra se divertir, rs. Quando o grupo se encontrou no hall do hotel parecíamos tão diferentes uns dos outros, mas, chega a ser engraçado, como de repente formávamos uma família.

Eu levei a minha mãe, claro! E o sortudo do meu melhor amigo que ganhou ingresso de última hora.

Chegamos à Arena. Todos em-bas-ba-ca-dos, perplexos! Eu via nos olhos de cada um um brilho de olhos de criança, sabe? Parecia um sonho. Parecia a Disney. Organização impecável, limpeza impecável. Oi Brasil??? Eu já havia estado na Arena Pantanal em jogos nacionais, de testes, mas o padrão Fifa realmente é espetacular!

Coreanos e coreanas pintavam o rosto para a torcida organizada (eles são muito animados) que povo bonito! Os russos eram mais contidos (pasmem!), porém não menos bonitos. Brasileiros, coreanos, russos e outros povos, todos juntos, reunidos numa festa emocionante e nós assistindo de camarote (chique hein, Coca-Cola? Beijinho no ombro!), fazendo parte desta história com a melhor recepção que alguém poderia ter.

E que camarote. Espaço incrível, confortável, serviço impecável, tudo do bom e do melhor, e com o buffet que a gente mais ama, da nossa chef predileta Ariane Malouf (só minha mãe cozinha melhor que ela, rs), e sua equipe Leila Malouf, um luxo memorável.

E mesmo com todo este conforto, vou confessar… Camarote ou geral? Tudo igual! Quem grita mais se diverte mais, e nós não nos contemos em descer até a torcida coreana para uma foto engraçada com suas fantasias fofas!

Os gols demoraram a sair, e foi um pra cada lado. Nós brasileiros vibramos pelos dois times, afinal, o intuito de tudo aquilo era festa! E Gooool! \o/ \o/

Minha companheira de prontidão Guta Ribeiro, famosa Belicosa, do site www.belicosa.com.br, topava todas as alegrias! Amei a cia!

Me sinto tão feliz por ter vivenciado este momento que acho que preciso de um beliscão, rs.

Coca-Cola, Sheila, e amigos, muito obrigada por compartilhar comigo este momento. Foi inesquecível… pra mim, pros meus convidados (minha mãe e meu amigo-irmão), pros brasileiros, e pro mundo inteiro!

E se você ainda não compartilhou deste momento, corre, ainda dá tempo! Compre seu ingresso, invista nesta emoção, e guarde esta história pro resto da sua vida.

 Viva a Coca, Viva Moda, Viva a Vida!